Tantos sussurros para céus mudos
Finalmente ouvidos
E agora mudo
Da noite para o dia num piscar
A vida parece um mar
E eu estou tentando reentrar
Novamente no caminho
Procurando um lugar
Uma espécie de carinho
Mas no momento
Não penso em sentimento
Mesmo sabendo que alguém
Pode novamente em mim tocar
E mostrar que ainda vale a pena esperar
Mas como vou viver
Com um passado como o meu nas costas?
Eu não tenho orgulho
E também não sou um caçador
Sempre esperei muito mais do amor
Sempre achei que seria meu grande salvador
Mas, trouxera tanta dor
E por quantas vezes não me julguei poeta
E agora vejo, nas trevas da noite
A estigma ardente da elite
Será meu destino perambular pelo mundo
Fazendo festa até mesmo na dor?
A vida é reiniciada
E meus sonhos começam novamente
Mas, como começar a caminhar
Se tenho medo de alguém machucar?
Quem sou eu afinal, além de um homem
Com uma vida completamente marcada
Pela continuação de fatos
Pelos caminhos que escolheu seguir
Será que existe alguém para mim?
Sendo que procuro e não encontro
Enfim... quem sou além de uma pessoa
Que ira passar
E quem sabe, no amanhã, irão se lembrar.

A vida reiniciada

Comentários

Textos Relevantes