Pai, faz algum tempo que não te vejo
Partiu tão cedo me deixando sozinho
Sei que não sou menino, mas me sinto
Diante deste meu grande desejo...

De te olhar mais uma vez nos olhos
E dizer tudo que não tivemos coragem
Pai, eu seria sincero em cada palavra
Mesmo se você não ligasse...

Hei pai, agora não adianta ficar pensando
Existe uma distância tão grande
E olha que nem sei onde você pode estar
Mas saiba, que desejo que esteja em paz...

Pois é de coração que desejo, neste tempo
Marcado por um adeus sem despedida
Tudo aconteceu tão de repente,
Pegou todo mundo de uma forma indecente...

Hei pai, eu poderia condenar o destino,
Mas vai saber por que tudo isso aconteceu
Quem sabe um dia eu entendo
O que talvez você já compreendeu

E se um dia eu te encontrar do outro lado
Saiba que continuarei sendo aquele se garotinho
Que tanto te olhava com toda admiração
Que só pode ser compreendida pelo coração...

Pai, sei que você teve seus erros, eu cometi os meus
Mas o amor nada tem haver com o que se foi
E muito menos com o que será...
Agora aprendi e nada deixo pra depois...

Pois não sabemos qual será o último momento
Para mostrar nosso verdadeiro sentimento
E muitas vezes nos deixamos levar por ferimentos
Que não nos leva a nenhum lugar, a não ser a lamentos...

Pai, se do lugar que estiver pode me ouvir
Saiba que hoje como pai finalmente entendi
E não condeno nenhuma de suas atitudes
Pois todos pai possui suas grandes virtudes...

Pai, a saudade no meu peito e grande
E esse desejo de sentir teu abraço forte
Se tivesse uma oportunidade para dizer algo
Com certeza eu diria... E por isso eu te chamo...
Pai que saudades, eu te amo...

Aniversário de morte de pai

Comentários

Mensagens no seu e-mail

Trilha Sonora

Mensagens Relevantes