E ai minha querida prima, quanto tempo não nos vemos hein... Mas estou escrevendo justamente para dizer que nem mesmo o tempo foi capaz de apagar minhas lembranças. Sinto saudades, sabia? E, como anda as coisas por aí? Seu sorriso continua tão belo quanto aqueles tempos? Me conte...

Eu estava aqui em casa e de repente me peguei lembrando... Foram dias tão bacanas que, se pudesse inventar uma máquina do tempo, voltaria para o tempo que a vida parecia mais simples e mais divertida... Você fez isso, tornou aqueles dias mais belos do que poderiam ser... Talvez seja esse seu jeito único, essa amizade que ultrapassa os laços de sangue.

Sei que sempre pude contar contigo em todos os momentos, sempre falando de meus sonhos e de meus pesadelos. Sempre soube me ouvir e dizer o que precisava ouvir para continuar seguindo... Ai prima... Se ao menos estivesse aqui perto... Queria tanto abraçá-la e dizer o quanto sua existência é importante.

Mas estamos longe e tudo que tenho são minhas lembranças. Os sorrisos guardados que evoco, para me trazer a mente o consolo de dias em que a vida parecia algo simples. Hoje as coisas mudaram, mas é a distância que mais toca fundo. Essa dor que dilacera, essa sensação de estar sozinha e...

Não sei, te queria aqui... Tenho plena certeza que saberia o que dizer e, caso não soubesse, com certeza acabaríamos achando graça de alguma coisa... Você era a melhor de todas em ver o lado bom e engraçado de tudo... Mas não é só por isso que sinto sua falta, sua presença tinha a capacidade de iluminar qualquer lugar, principalmente o caminho daqueles que estão próximos a você...

Prima, sinto saudades e espero que essas poucas palavras lhe encontrem muito bem. Não se preocupe, também estou bem... Tirando a saudade de quando estávamos próximas e do tempo que a vida era apenas uma grande e imensa casa de bonecas...

Carta para prima de saudades

Comentários

Cartas Relevantes