Fazia muito tempo que caminhava no escuro
Sem saber por onde ir, beirava o absurdo
De silêncio mortais na estante de um quarto
Gritos desesperados de perdidos partos...

Sem esperança de qualquer boa mudança
Simplesmente caminhava, esperando a bonança
Da qual nunca em nenhum segundo chegava
E mesmo assim, continuava e esperava...

Mas eis que num instante do mais belo olhar
Eis que a espera chegou ao fim sem pestanejar
Vi um mundo novo assim que você chegou
E de repente, a janela do meu quarto escancarou...

Achei que poderia ser apenas mais uma ilusão
Um sonho que continua na lembrança ao acordar
Mas você estava ao meu lado e pude vislumbrar

Na pronfundidade de seus olhos, vi o coração
E notei algo verdadeiro em algum lugar brilhar
E neste momento, pensei: valeu a pena esperar...

Há quanto tempo te esperei

Comentários

Mensagens Relevantes