Se é para confessar, eis aqui minhas palavras
Você realmente é tudo que sonhei e que pedi
Mesmo dizendo que não digo palavras belas
Sinto muito se não tenho o dom do romantismo
Se não te encho de encantos como deveria
Mas saiba que desde nosso primeiro dia
As coisas mudaram para meus olhos
E principalmente para meu coração.

Sinto muito se não sou como gostaria que fosse
Quando alguém aponta nossos defeitos
Com certeza não é aquilo que esperava ver
Mas, agora, eu lhe peço para olhar para o outro lado
Para tudo que não desejamos perder
Se busca a perfeição de um sentimento
Sinto muito, não encontrará em meus braços
E muito menos em algum outro vento...

Você se tornou a razão de minha existência
Mas essas cobranças parecem penitências
Sinto muito se fico em silêncio quando o momento
Exige um eu te amo, mas, naquele instante
Me perco pensando o que seria de minha vida sem você
Por isso, não me condene pelas palavras que não digo
Mas pelas atitudes que trago no coração
O amor não deve ser medido apenas verbalmente
Mas sim, por todas suas ações...

Só estou escrevendo para dizer, que é muito mais
Do que imagina, não é apenas uma passagem
Por um momento complicado, pelo contrário
É o caminho que desejo e que mais quero
Por isso, não olhe para meus defeitos
Mas sim para as possibilidades de vivermos bem
Da maneira que podemos viver
Aprendendo e descobrindo as maravilhas
Que nos farão um dia crescer...

Não me condene pelas palavras que não sei dizer
Não me condene por esperar de alguém diferente
De você uma atitude que gostaria e que mesmo assim
Não dá por motivos que não compreendo
Mas saiba, que estou de graça aqui para te amar.

Minha razão depende de sua existência

Comentários

Mensagens Relevantes