O que sei eu sobre o amor
Para dele ousar escrever
E poemas atrever-me a fazer
Enunciando-o com tanto langor?

O que sei eu sobre a dor
Para agrega-la em meus versos
Como se nessa angústia imersos
Fossem capazes de emoções compor?

O que sei eu sobre o prazer
Para envolver-te com sedução
E incitar-te à lasciva ilusão
De eroticamente me ter?

O que sei eu sobre perder
Para insinuar que este vazio
Pairado em meu coração arredio
É culpa tua por não mais me querer?

Nada sei

Comentários

Mensagens Relevantes