Querida,

é muito estranho como os gestos mais simples, às vezes, assumem um significado tão grande para nós. Ontem, por exemplo, estávamos na sala em silêncio, eu lendo jornal e você uma revista quando, de repente, você se levantou para fazer café ou coisa parecida e, ao passar por mim, fez-me um ligeiro carinho e beijou os meus cabelos.
Engraçado, até aquele momento eu estava tão absorto na leitura a respeito das desgraças do mundo que a palavra amor parecia ter escapado dos dicionários. No entanto, esse seu gesto simples me trouxe de volta à realidade, me lembrou de que o amor estava presente e reinando em meio ao nosso tácito silêncio.
Se eu estivesse em casa sozinho, aquela tranqüilidade toda certamente me levaria ao tédio absoluto, mas o fato de saber que você estava tão próxima e tão companheira trazia-me uma sensação de conforto tão grande, que tudo o que acontecia fora das paredes de casa parecia-me desnecessário, supérfluo ou descartável.
Esta cartinha é para dizer-lhe que eu adoro estar contigo em qualquer circunstância, adoro sabê-la comigo em qualquer lugar, e adoro sentir o amor a flutuar pelo silencioso espaço da nossa intimidade.
Minha querida, eu amo você. Receba um beijo e um longo abraço do seu AMOR!

Silêncio

Comentários

Mensagens Relevantes