As coisas não seguiram muito bem como esperávamos, quer dizer... como você esperava. Confesso que sou apenas um mortal precisando aprender algumas lições que, particularmente, esperava aprender contigo. Como dizem por aí, precisamos errar para aprender, por isso, se me der uma nova oportunidade, prometo não falhar.

Tenho pensado em tudo nos últimos dias e a falta que me faz traz um vazio tão grande, que às vezes não me deixa sequer respirar. O mundo parece pesar sobre minhas costas de tal maneira que, juro para você, preferia jamais ter feito o que fiz. Mas, por favor, me perdoe e me dê a chance de mostrar que aprendi.

Pois é tudo que preciso para seguir em frente e, de preferência, com você ao meu lado, para mostrar tudo aquilo que preciso aprender. Quero ser melhor e sei, com você, estou seguindo o rumo certo de minha existência. Agora é contigo, me dê uma chance de poder tentar ser um pouco melhor do que fui...

E se precisar de um tempo, um momento para pensar se me condena ou absolve, peço que pense com muito carinho, e não faça da maneira como fiz, sem pensar ou raciocinar direito. Pense com carinho e se possível, acredite no meu arrependimento, fui errado e confesso que o maior castigo é este arrependimento que tem me causado grandes preocupações.

Prometo não falhar caso me dê uma nova chance, caso perceba que trago no coração o peso do arrependimento e a vontade de provar que tudo que mais desejo, é seguir em frente, aprendendo com meus erros e me tornando uma pessoa melhor a cada dia que tivermos pela frente, mas para isso, preciso de você.

Veja mais cartas relacionadas:
PerdãoVolta pra mim

Por favor, me perdoe...

Comentários

Cartas Relevantes