Garota,
Acho que lhe devo desculpas
Eu deveria ter fugido
Para qualquer lugar bem longe
Eu tentei, eu juro
Mas, fiquei preso em teu olhar
E tudo aconteceu
Naturalmente
Senti sua alma chamando a minha
E tudo que queria era fugir
E dominá-la por inteiro
Mostrar os recantos distantes do meu amor
Mostrar que o sol também nasce na escuridão
Trazê-la para esse mundo de palavras
Sonhos e tentação
Aprisioná-la entre meus braços
Roubar teus suspiros
E levá-lo comigo através da eternidade
Pois as palavras não morrem
Os sentimentos que descrevem
Permanecem pelo mundo
Vagando, procurando e encontrando
Um ouvido cansado de dor e desprezo
Que tudo que deseja é pouco de amor
E encontrei em seus braços
E como uma criança deixe-me levar
Na paz do momento
E condenei-me aos pensamentos
E a todos os planos que se formam
Nos corações daqueles que esperam
Pela salvação que vem do céu
Mas, garota, não fiz por mal
Acho que para o amor é normal
Quando ele chega, perdemos a noção
E também o coração
E tudo que lhe peço é perdão
Por toda essa situação.
Garota, eu sei que deveria ter fugido
Para bem longe de seu olhar
Mas, pelo menos senti-lo uma vez
Do que jamais poder experimentar
O sabor de seus lábios e a paz de tua alma.

Veja mais cartas relacionadas:
LábiosBeijos

Um Coração de Menino

Comentários

Cartas Relevantes