Em meus braços,
Respira fundo...
Esqueçamos as horas, os minutos, os segundos.
Vem...
Que a noite nos acata,
Para nos cobrir
Com seu luar de prata.
Quero sentir o teu gosto,
O teu cheiro,
O teu pulsar
E tuas mãos tão lindas afagar.
Vem...
Que a vida sem amor é quase nada,
Fiquemos assim: entrelaçados até o fim,
Sem dizer uma só palavra,
Curtindo apenas o luar da madrugada.
Vem...
Quero ficar contigo
Em pleno estado de graça,
Admirando as estrelas,
E o doce luar de prata,
Pois sei que tudo vem e tudo passa...
E eu não posso deixar a vida passar
Sem pelo menos,
O meu amor te confessar.
Vem...
Deixemos as tristezas de lado,
Pois sinto que já nos pertencemos
Em algum lugar no passado.
Vem...
Que a vida sem amor é quase nada,
Fiquemos assim: entrelaçados até o fim,
Sem dizer uma só palavra,
Curtindo apenas o luar da madrugada.

Descansa o teu cansaço em meus braços

Comentários

Mensagens Relevantes